José dos Santos Braga, mais conhecido como Zé de Rita, é mestre na criação de trançados e cestarias, utilizando a palha de licuri, uma das principais palmeiras do semiárido nordestino, e a madeira de umburana reaproveitada.

Nasceu em Nossa Senhora Aparecida, em Sergipe, em 28 de janeiro de 1964, e mudou-se ainda na infância para a cidade de Santa Brígida, no norte da Bahia. Na localidade, a produção utilizando a fibra do licurizeiro começou apenas com peças utilitárias, como esteiras, cestas, vassouras e chapéus para os romeiros que frequentam a cidade. José aprendeu o ofício com sua mãe, a Dona Rita que é a inspiração do seu apelido. Hoje o artesão tem um portfólio de produtos variados, que inclui tanto peças utilitárias quanto decorativas, como porta-joias, cestas de pão, porta-objetos, caixas, balaios, bolsas, bandejas, jogos de mesa e mandalas.

Apaixonado pelo artesanato e pela preservação do meio ambiente, busca perpetuar através do ensino das técnicas de cestaria e trançados. Atualmente, o fazer artesanal já chega à quarta geração de sua família: o saber que recebeu de sua mãe foi transmitido para sua esposa, filha e neto, que também manipulam as fibras, criando belas tramas cheias de história.

Zé de Rita também é um dos fundadores da Associação de Artesãos de Santa Brígida, que trabalha com duas técnicas principais: o trançado da palha de licuri e a escultura em madeira.

Filtrar por notícias

Procurar por notícia
Filtrar por categoria
Nenhum resultado encontrado.
× Como posso te ajudar?