Encontros Artesanato da Bahia discutem qualificação e estratégias

Levantar demandas para qualificação de artesãs e artesãos e buscar o desenvolvimento de estratégias para ampliação das vendas de seus produtos são algumas das propostas do Encontro Artesanato da Bahia, que terá mais três edições edições a partir desta semana, através de plataformas virtuais. Com inscrições através do Sympla, os eventos serão divididos por polos de produção artesanal. A realização é da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte – Setre/Bahia, através da Coordenação de Fomento ao Artesanato, e da Associação Fábrica Cultural.

O Encontro Artesanato da Bahia é voltado para artesãs e artesãos, gestores públicos ou de outras instituições ligadas ao setor artesanal e outros interessados. A qualificação de artesãs e artesãos, a promoção do produto artesanal e a ampliação de formas de comercialização fazem parte das discussões, que tem como objetivo fortalecer o artesanato baiano.

Os eventos são uma das etapas do Diagnóstico do Artesanato Baiano, que embasará o desenvolvimento do Programa de Qualificação, iniciativa que visa ao incentivo, a capacitação e o desenvolvimento de diferentes competências dos artesãos baianos. Um dos focos principais será o aperfeiçoamento da produção, através de conjunto de ações e estratégias que estimulem a melhoria da gestão, das formas de produção e divulgação dos produtos. Nos diálogos on-line, serão levantadas as principais necessidades de cada região, além de fortalecidas as articulações dos grupos produtivos.

SERVIÇO

Programação:

19/02 – Polo Territórios da Costa do Descobrimento e Extremo Sul

23/02 – Polo Territórios da Costa do Dendê e Jiquiriçá

25/02 – Polo Territórios de Salvador, Recôncavo e Baía de Todos-os-Santos

Horário: 16h

Local: Encontro virtual feito pelo Zoom

Inscrições: https://www.sympla.com.br/artesanatodabahia

preloader