Webinário apresentou o Programa CrediBahia para artesãs e artesãos baianos

Na última terça-feira (17), aconteceu o Webinário Acesso ao Crédito como Diferencial de Sucesso na Economia Criativa, com o tema “CrediBahia, Artesanato e Design”. A iniciativa é fruto de uma parceria entre Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) e as secretarias estaduais de Cultura (SecultBA), da Fazenda (Sefaz) e do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento e qualificar empreendedores de artesanato e design para acessar o microcrédito produtivo, o webinário reuniu cerca de 200 participantes, entre autoridades, gestores públicos, representantes de associações de artesanato e um conjunto expressivo de artesãs e artesãos. Compuseram a mesa de abertura do evento o secretário Davidson Magalhães (Setre), a secretária Arany Santana (Secult)  o Diretor de Operações da Desenbahia, Paulo Costa, A mediação do evento ficou por conta de Ângela Guimarães, Coordenadora de Fomento ao Artesanato (CFA/Setre).

Para enriquecer o webinário, Rodrigo Lyra, professor e designer, destacou a atividade de design como diferencial competitivo no setor de artesanato e pontuou os aspectos mais importantes para o desenvolvimento do setor: a criação e estabelecimento de estratégias, a partir de alianças a exemplo da CFA com a Fábrica Cultural, restabelecendo a política pública no estado, o planejamento como ferramenta fundamental dentro da cadeia do marketing das iniciativas e a comunicação, como diferencial para unir a tradição oral que envolve o artesanato às novas abordagens virtuais.

Ângela Guimarães (CFA) detalhou parte das políticas de apoio ao fomento de competitividade do setor e elucidou as principais iniciativas do momento somadas às perspectivas da Coordenação de Fomento ao Artesanato. Sobre o curso “Qualificar para Empreender”, que segue até o mês de setembro de 2021, Ângela informou que “é uma iniciativa por demanda do segmento, que tinha expectativas em aproveitar esse tempo (em casa) para estudar e se qualificar, alcançando uma perspectiva de retomada e se apresentando em melhores condições para o mercado que exige cada vez mais de cada artesão”.

A coordenadora de Fomento ao Artesanato ressaltou a realização das Feiras Regionais Artesanato da Bahia, que acontecerão a partir do dia 21 de agosto, em Maragogipinho, e seguirão itinerantes por sete cidades. A 2ª Rodada de Negócios também será uma ação importante e “é um chamado aos grandes compradores e lojistas do segmento”, que ocorrerá entre os dias 15 e 16 de setembro. Outra novidade que traz grande expectativa à coordenadoria é a participação de artesãs, artesãos e associações nas feiras nacionais que ocorrerão fora do estado da Bahia ainda em 2021.

Na ocasião, Marcos Fortes, Gerente de Microfinanças da Desenbahia, apresentou o Programa de Microcrédito do Estado da Bahia (CrediBahia) e orientou os participantes sobre o funcionamento e uso inteligente do crédito reembolsável como alternativa viável para adquirir melhor competitividade de mercado.

Segundo Marcos, “o Programa de Microcrédito do Estado da Bahia existe desde 2002 e está em franca expansão, além de ter a menor taxa de juros do mercado para operação de microcrédito”. A participação de Marcos foi engrandecida com as colaborações das artesãs Cleidimar Pereira de Matos, de Caetité, e Rita Eulávia Ferreira, de Eunápolis, que usaram o microcrédito oferecido pelo programa e continuam satisfeitas e orgulhosas do trabalho que desenvolvem.

“Divisor de águas”, destacou Cleidimar, sobre o microcrédito em sua trajetória. O empréstimo possibilitou que a artesã que faz bonecas de pano comprasse matéria-prima, montasse o próprio ateliê e abrisse sua própria loja. Já Rita, que produz bolsas e artefatos de couro, destacou a praticidade do processo e agradeceu a oportunidade que a ajudou na compra de matéria-prima, montagem do ateliê, investimento em novos materiais e aquisição de uma tenda para expor seus produtos.

Marcos Fortes apresentou mais novidades e diferenciais do programa, a exemplo da implementação de documentação digital que agilizou o prazo dos processos de contratação e a extensão do prazo de pagamento, conforme necessidade do solicitante. O programa CrediBahia se apresenta atualmente como a melhor alternativa de empréstimo para microempreendedores baianos e atende cerca de 150 municípios do Estado. Para conhecer mais detalhes e disponibilidade do CrediBaha nos municípios, basta acessar o site Desenbahia.

preloader